Internet em smartphones e tablets supera uso no computador

Pela primeira vez, o consumo de internet a partir de smartphones e tablets excedeu o uso por meio de computadores em outubro de 2016, informou a companha de análise independente StatCounter.

O uso de internet em PCs vem caindo desde 2009, mas ainda se mantinha à frente. Foi só apenas no mês passado que o jogo virou. Celulares e tablets passaram a responder por 51,3% do consumo de conteúdos conectados.

Para efetuar o cálculo, a StatCounter considera o volume de dados gerados – não o tempo gasto em cada plataforma nem o número de usuários.

Ainda que os dados indiquem o predomínio dos aparelhos móveis em nível mundial, alguns países ainda não fizeram a migração.

É o caso, por exemplo, dos Estados Unidos, onde 57,97% do uso da internet ainda é feito por desktop, enquanto smartphones ficam com 33,3% e tablets, com 8,7%.

E também é a mesma situação do Brasil, em que os computadores ainda responder por 68,67% do uso, smartphones por 29,63% e tablets, por 1,7%.

Em outros grandes emergentes, a situação é inversa e alinhada com a tendência mundial. Na China, o consumo de smartphones responde por 51,83% do total, enquanto computadores ficam com 45,38% dessa fatia e tablete, com 2,8%.

O quadro se repete na Índia. Lá, os celulares inteligentes geram 78,05% do consumo, desktops, 21,18%, e tablets, 0,76%.

Via G1

Deixe uma resposta